Autoridades britânicas apreendem 150.000 dólares de Bitcoin Ilegaly Adquirido

As autoridades britânicas prenderam um suspeito de 35 anos de idade e apreenderam cerca de 150.000 dólares de fundos Bitcoin adquiridos ilegalmente.

O Serviço de Polícia Metropolitana do Reino Unido (MPS) prendeu uma mulher de 35 anos de idade e apreendeu mais de 150.000 dólares de Bitcoin Code como parte de uma investigação sobre pedidos fraudulentos de empréstimos apoiados pelo governo para empresas afetadas pela pandemia da COVID-19.

MPS apreendeu $150.000 de BTC

O MPS (ou Met) anunciou que a Equipe Proativa de Lavagem de Dinheiro havia investigado uma mulher de 35 anos de idade por adquirir ilegalmente quantidades substanciais de fundos apoiados pelo governo e usá-los para comprar Bitcoin.

Ao receber um mandado de busca, os oficiais da Met, assistidos pela Equipe de Crime Proativo da Suffolk Constabulary, invadiram o endereço residencial da mulher em Ipswich. Eles encontraram várias crianças deixadas no endereço por conta própria. As autoridades localizaram o suspeito nas proximidades e a prenderam por suspeita de fraude, lavagem de dinheiro e negligência da criança.

A polícia entrevistou a mulher e a libertou em 12 de agosto, enquanto a investigação prosseguia. Entretanto, em 13 de agosto, os agentes da Met apresentaram com sucesso um pedido de prisão de £115.000 (US$150.000) de Bitcoin em uma carteira digital pertencente ao suspeito.

De acordo com a declaração, a mulher tinha estabelecido múltiplas contas bancárias de mula usadas para receber o produto de pedidos fraudulentos de „Bounce Back Loans“.

Esses empréstimos fazem parte de um programa lançado pelo governo britânico para ajudar as pequenas empresas que sofrem as conseqüências da crise da COVID-19. Após receber os fundos na conta bancária da mula, os funcionários da Met os rastrearam quando ela comprou a Bitcoin.

O Sargento Detetive Ian Barrett exortou as pessoas a serem mais cautelosas no fornecimento de informações pessoais e bancárias on-line ou por telefone.

„Para as pessoas tirarem proveito do apoio governamental disponível para aqueles que realmente precisam dele nestes tempos sem precedentes é terrível“. – acrescentou ele.

O DOJ dos EUA apreendeu milhões em BTC

Como a CryptoPotato informou ontem, três importantes agências do governo dos EUA, a saber, o FBI, o IRS e o HSI, apreenderam mais de 300 contas de moedas criptográficas contendo enormes quantidades de Bitcoin da Al-Qaeda, ISIS e Hamas.

Os três grupos terroristas conseguiram os fundos arrecadando doações substanciais de crentes ou fazendo-se passar por organizações legítimas para enganar as pessoas e enviá-las ao BTC. Eles também asseguraram a seus apoiadores que todas as transações de Bitcoin eram totalmente anônimas.

Entretanto, isso não é o caso, e as agências americanas conseguiram rastrear e finalmente apreender as contas em moeda criptográfica pertencentes aos terroristas.